sábado, 15 de outubro de 2011

a todos os que sabem(os) amar


quero suar
quero sentir o corpo grudar e colar
sozinho

só de ficar parado

quero as gotas em bicas
do queixo e do cotovelo

quero o beijo que gruda
quero o suor azedo

de vida que pulsa e
se renova.

(também aqui)

5 comentários:

Guilherme Sakuma disse...

Bem, só posso dizer que ficou do caralho.

Camila F. disse...

eita!

bonito :-)

Moni Saraiva disse...

Eu achei lindo.
desde o primeiro minuto que li.

Beijo, coiso do coração!

Aninha Kita disse...

Lindo! E que ritmo!
Adorei!

Beijos, beijos.
Ana

Cynthia Lopes disse...

gostei dos que "sabemos amar",
o verso pulsa!
bjs