quinta-feira, 1 de setembro de 2011

esperei mesmo


"nem passar agosto esperando setembro".

ano passado a postagem foi esta.

este ano é o mesmo vídeo, o mesmo verso,
mas eu de fato esperei.

e olha que vivi em agosto dias e felicidades antes nunca vividos.
mas não dava mais pra aguentar esse mês. longo por demais. 

ainda bem que a gente muda. sempre. 

ítalo.

2 comentários:

Dilberto L. Rosa disse...

Engraçada a tua angústia com um mês que, pra mim, é igual a qualquer um outro... Superstição? Mas viveremos sempre os minutos, as horas, os dias, as semanas, os meses, sem pular nada! E viva nossa gravidade temporal! Um abraço e, caso interessar possa, os Morcegos estão de volta, em nova temporada!

Wilson Torres Nanini disse...

Ítalo,

concordo contigo, meu caro: o melhor de agosto é seu fim.

Até o próximo...

Abraços!