sábado, 19 de março de 2011

das profissões do scliar



um dos capítulos do livro "contos reunidos", organizado pela companhia das letras em 1995 com contos do moacyr scliar, chama-se "as profissões". e dentre as profissões apresentadas pelo escritor, eu me encantei por esta, a do carteiro. (scliar vem me ganhando assim, no conto curto, que diz justamente por não querer dizer nada. que entrega a vida ao leitor em sua fragilidade mais escancarada).
_ _ _ _ _ 
"Matias, o carteiro relapso

Durante dez anos Matias, o carteiro relapso, subtraiu cartas à correspondência que deveria entregar diariamente. Essas cartas, abertas, foram descobertas pela esposa três meses depois da morte do relapso. O encarregado do inquérito, Diógenes, ex-chefe de Matias, transcreveu trechos da correspondência desviada, trechos esses que muitas pessoas têm lido entre lágrimas: "Por que não respondes às minhas cartas, filho?", pergunta um homem (idoso, a julgar pela trêmula letra). "Se não me escreveres, nosso noivado será desfeito", diz uma certa Lucila. 
No mesmo inquérito há um depoimento de Arlindo, filho do carteiro Matias. Diz que o pai costumava trancar-se à noite no sótão, ficando lá horas, às vezes gargalhando histericamente. Arlindo imaginava que o pai se ocultava para ler histórias cômicas, mas não podia garantir. O achado das cartas esclareceu o mistério". (p. 200)
_ _ _ _ _ 
í.ta**

3 comentários:

Rikki-Tikki-Tavi disse...

ahahahaahh muito bom!!

NDORETTO disse...

Humor negro,muito bom,sempre Scliar!!!
Um beijo,moço
Neusa

Emoções disse...

A beleza existe em tudo - tanto no bem como no mal. Mas somente os artistas e poetas sabem encontrá-la."