domingo, 23 de janeiro de 2011

twitt fora do twitter #8




toda leitura é um estupro.

í.ta**

10 comentários:

Canteiro Pessoal disse...

Ítalo, não absorvo leitura com este termo, afinal toda violência traz problemas mentais absurdamente negrulosos, tempo de escuridão; marcas e estacionar no ciclo da vida - traz maldade, círculo crescente

Estupro associado a leitura, que intitulo abrir de cortinas como em qualquer outro sentido, pinta-se feiura e não saber o que esta palavra é em existência.

Abraços

Priscila Cáliga

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Ítalo! Passando para agradecer pela visita e o comentário deixado no nosso humilde espaço, e dizer que serás sempre bem-vindo.

Abraços e ótima semana pra ti e para os teus.

Furtado.

Eduardo Silveira disse...

eu diria que algumas são mt fortes. nos pegam - nós leitores - fracos, desatentos, indefesos. daí fazer sentido a metáfora. como faz a "de levar um soco na boca do estômago", que por sinal uso muito. té de+.
mas não sei se foi nesse sentido a frase.

Assis Freitas disse...

nuances semióticas


abraço

Larissa Santiago disse...

talvez menos estupro, mais transa.

Rikki-Tikki-Tavi disse...

democracia no ee realizada.

Alicia disse...

Um estupro consentido.
Ou sem sentido.
Rs...

Joanna disse...

Explique.

Í.ta** disse...

toda leitura é um estupro, ou deveria ser um estupro, no sentido de que é uma violação. a partir do momento em que o texto é lido, ele deixa de ser o que era quando produzido pelo autor. ele passa a ser violentado (no sentido de novos sentidos construídos por e a partir dele). o texto fica marcado pelo ato de leitura. ao menos deveria ficar para que a leitura se concretizasse como ato de pensar.

Joanna disse...

Agora sim. Obrigada! Belíssima justificativa!