sexta-feira, 26 de janeiro de 2007

Tempo perdido I


"Todos os dias quando acordo
Não tenho mais o tempo que passou
Mas tenho muito tempo:
Temos todo o tempo do mundo
.

Todos os dias antes de dormir
Lembro e esqueço como foi o dia
Sempre em frente
Não temos tempo a perder.

Nosso suor sagrado
É bem mais belo que esse sangue amargo
E tão sério
E selvagem
E selvagem
E selvagem".
(R.Russo)

Í.ta**

Um comentário:

Carol disse...

"Hoje o tempo voa amor, escorre pelas mãos, mesmo sem se sentir. E não há tempo que volte, amor. Vamos viver tudo que há pra viver, vamos nos permitir..."